Áreas de Atuação

Psicoterapia Infantil

     A Psicoterapia Infantil é dirigida ao atendimento de crianças e conta com recursos lúdicos abordando o mundo infantil, considerando as necessidades e os aspectos especiais das crianças. Temos como referencial o sofrimento da criança e como objetivo ajudá-la a encontrar caminhos para sentir-se melhor. A terapia é um processo que investiga e identifica os problemas que impedem o desenvolvimento saudável da criança, ajudando-a a lidar com as dificuldades e melhorar a vida.

     As razões que levam pais ou responsáveis a buscar terapia para suas crianças são muitas. Podemos destacar o comportamentos agressivos, timidez excessiva, enurese noturna (o famoso "xixi na cama"), hiperatividade, dificuldades de interagir com outras crianças ou familiares, depressão, obesidade, abuso, baixo rendimento escolar, bullying. Os comportamentos-problema nas crianças podem estar associados à falta de habilidade para lidar com situações adversas e difíceis, como a separação dos pais ou mudança de escola. Nestes casos a terapia auxiliará a criança, com a metodologia adequada, na aquisição de novos comportamentos para lidar com as situações geradoras do estresse emocional.

     Através de sua relação com a criança, o terapeuta inicia um processo de mudança comportamental dentro do consultório com o intuito de que estes progressos generalizem para os ambientes naturais da criança. Assim ela conseguirá se comportar de forma diferente e mais adequada, sentindo-se bem em todas as esferas de sua vida.

     Alguns acontecimentos como a morte ou o adoecimento de algum membro da família, a separação ou casamento dos pais com outros parceiros, o nascimento de um irmão, a mudança de cidade ou de escola, ter sofrido ou presenciado algum tipo de violência, influenciam a saúde psicológica da criança, que muitas vezes precisa de ajuda para identificar e compreender seus sentimentos e pensamentos sobre esses episódios marcantes de sua vida. A psicoterapia infantil é um momento em que a criança é acolhida e ouvida, podendo expressar seu universo privado e aprender maneiras adaptativas de comunicar sentimentos como raiva, saudade, tristeza, frustração, medo, ansiedade e amor.

     A participação dos pais é fundamental no processo terapêutico. Nossa meta muitas vezes é fornecer conhecimento e repertório comportamental aos pais, para que os mesmos possam participar da melhora de suas interações com seus filhos. Em algumas relações aparecem desobediência, birras, desentendimentos, discussões, brigas e punições, que fazem sofrer tanto os pais quanto os filhos. Essas condições familiares aversivas (inadequadas) geram sentimentos de culpa, arrependimento e insegurança quanto à educação dos filhos. Interromper esse estilo coercitivo e punitivo das interações adulto-criança é o primeiro passo de mudança. Desse modo, os pais encontram na terapia orientações sobre maneiras alternativas de lidar com as dificuldades familiares.

     Durante o atendimento à criança, o terapeuta infantil usa estratégias lúdicas como histórias, desenhos, colagens, pinturas, jogos, de acordo com a idade da criança, criando um ambiente no qual ela se sinta à vontade. Por meio dessas atividades, o terapeuta tem oportunidade de conhecer melhor a criança, seus pensamentos, sentimentos e comportamentos.




MindKeepers Psicologia © 2018 - Todos os direitos reservados.
R. Cristalândia, 287 - Alto de Pinheiros - (11) 9-6905-2277 / (11) 9-8402-1333
R. Poconé, 208 - Sumaré - (11) 3675-6726 / (11) 9-9603-5575